Bem Vindo!!! Espero que gostem ..

Pesquisar

sexta-feira, 29 de abril de 2011

A Chubu Electric Power planeja religar reator na usina nuclear de Shizuoka em Hamaoka

Reator n 3,4 na provincia de Shizuoka.
Chubu Electric tem planos em religar reator na Provincia de Shizuoka na cidade de Hamaoka após a inspeção que for feita  em julho.
 Segundo o Presidente da Chuubu Electric Akihisa Mizuno, para religar o reator n3 será necessário o consentimento da comunidade local . 
O Governador de Shizuoka Heita Kawakatsu indica novamente sua intenção de não aprovar o reinicio no futuro imediato.

quinta-feira, 21 de abril de 2011

Esta proibida entrada no raio de 20 km da usina de Fukushima ,a regiao esta isolada.


foto kyodo news
O Japão proibiu a entrada de pessoas no raio de 20 km ao redor da usina nuclear de Fukushima Daiichi, que após ser afetada pelos desastre de 11 de março vazou radioatividade na região, informou nesta quinta-feira (21) o primeiro-ministro japonês, Naoto Kan.O governo vai multar em até US$ 1,2 mil ou prender por até 30 dias quem não respeitar a zona de exclusão de 20 km.A medida começou a valer nesta quinta-feira.O governo japonês vinha recomendando aos moradores da área que se retirassem do perímetro estabelecido devido ao aumento dos níveis de radiação. Agora a região será esvaziada legalmente.Algumas pessoas, principalmente idosos, ainda permanecem no local, enquanto outras vinham entrando e saindo da área de exclusão para reaver seus pertences                    
Apesar da proibição, o governo japonês concederá uma permissão especial de entrada de duas horas a um integrante de cada família para recuperar seus pertences, informou o porta-voz do Executivo, Yukio Edano.                                                                                                                                Naoto Kan viajou nesta quinta-feira à província de Fukushima para visitar as famílias retiradas da região, que se encontram nas cidades de Koriyama e Tamura. Ele também se reuniu com o governador Yuhei Sato.Entretanto, quem tem casa em um raio de menos de 3 km ao redor da central atômica não poderá mais se entrar no perímetro, acrescentou Edano.                                            Cerca de 80 mil pessoas viviam no raio de 20 km em torno da central atômica antes do terremoto e do posterior tsunami de março. Esses desastres naturais danificaram seriamente o sistema de resfriamento da usina nuclear.                                                                                                                                    A Tokyo Electric Power Company (Tepco), empresa operadora da central, anunciou no domingo (17) que prevê devolver o resfriamento estável aos reatores de Fukushima em três meses e levá-los ao estado de “parada fria” em um prazo entre seis e nove meses.O governo indicou ainda que, uma vez controlada a central, revisará os perímetros de segurança, que até o momento afetam todas as localidades em um raio de 20 km e algumas situadas até 40 km do complexo.       autor: G1

Brasileiros medem nivel de radiação

Brasileiros saem de Ota -Gunma passam por 5 provincias medindo nivel de radiação no percurso, ate a cidade de Ichinoseki em Iwate-ken                                                                                                                                                 
imagens web-town
   

 Percorrerao 400km entre os dia 13 a 17 de marco 2011

Iphone 5

Para aqueles que estao anciosos esperando o sucessor do Iphone 4
 Segundo o site Reuters a proxima geraçao do smarthphone da Apple sera lancado em setembro de 2011
foto Reuters
(Reuters) - O iPhone de próxima geração terá um processador mais rápido e vai começar a ser comercializado em setembro, três pessoas com conhecimento direto da cadeia de suprimentos da empresa, disseram   Continuar lendo...

quarta-feira, 20 de abril de 2011

Trabalhadores na usina em Fukushima em risco de depressão e morte por excesso de trabalho


Trabalhadores da  Tokyo Electric Power Co.  engajados nos esforços para estabilizar a crise que abateu-Fukushima Daiichi planta nuclear, estao em risco de depressão ou de morte por excesso de trabalho, um médico que recentemente viu nesta quarta-feira.
Os trabalhadores não são apenas a realização de trabalhos perigosos em condições severas, mas também um sentimento de responsabilidade moral como funcionários da empresa a culpa pelo desastre nuclear, uma das piores do mundo, Takeshi Tanigawa disse em entrevista à agência  Kyodo News.
Alguns deles também escapou por pouco da morte em 11 de março no terremoto e tsunami ou as explosões de hidrogênio posterior que danificou severamente a planta, enquanto outros perderam suas casas ou foram confrontados com a morte de parentes ou amigos, fazendo com que os trabalhadores em geral para ser exposto a múltiplas tensões, disse ele.

terça-feira, 19 de abril de 2011

Dekassegui volta para o Brasil para fugir da radiaçao e morre a baleado por policial militar

Vítima era procurada pela Justiça João Cesar Takamatsu Salvador era fugitivo da polícia. Ele tinha a prisão decretada por roubo. Ele também foi preso em Hamamatsu, no Japão, em 2007, após se envolver em um acidente de trânsito e fugir do local

João Cesar Takamatsu Salvador: esse é o nome do décimo homem assassinado em Bauru, no ano de 2011. João Cesar tinha 29 anos e havia voltado para o Brasil no último dia 24, fugindo da radiação no Japão, segundo  a família. Ele ficou fora do Brasil durante cinco anos.
“Fugiu da radiação no Japão para vir morrer aqui. Ele ficou com medo da radiação porque, com terremoto, eles são acostumados lá”, diz o pai da vitima, Luís Antônio da Silva, 50.A mãe da vítima, Isabel Takamatsu, chegava do centro da cidade quando foi avisada por vizinhos sobre a morte do filho. Ela passou mal e teve que ficar internada.João Cesar chegava a uma academia no Núcleo Gasparini - duas quadras da residência da familia,  por volta das 11h, quando foi chamado pelo autor do crime, que fez cinco disparos após discutir com a vítima. O acusado é o policial militar rodoviário, Ricardo Rafaeli, diz o delegado seccional, Benedito Valencise. Rafaeli não trabalhava em Bauru, mas passava férias na cidade.                                                                     “Durante a tarde foram feitas diligências e o autor do crime foi identificado. As cápsulas encontradas no local do crime são privativas da polícia”, conta o delegado.                                                                        Investigadores da DIG (Delegacia de Investigações Gerais) e do Plantão da Polícia Civil fizeram busca com o intuito de prender o acusado em flagrante, mas ele  não havia sido encontrado até o fechamento desta edição.
ciúme / Um envolvimento passado da vítima com uma ex-mulher de Rafaeli teria motivado o crime passional, segundo a Polícia Civil.
Rafaeli, de acordo com as primeiras informações,  tinha ciúme de João César.O delegado Valencise não confirmou as circunstâncias dos relacionamentos,  mas afirmou que o crime teve mesmo motivação passional.
Todos os procedimentos O delegado Benedito Valencise garantiu que o policial será tratado como qualquer outro acusado. “Já foi instaurado inquérito policial  e todos os procedimentos foram tomados”, disse

segunda-feira, 18 de abril de 2011

Ate o momento pessoas confirmadas mortas no terremoto 13.843


Terremoto no Japão                            
 Foram confirmados mortos até agora, 13.843 pessoas, no total sao  27.873 pessoas entre mortos e desaparecidos.
Segundo a polícia,  foram mortos confirmados até agora no terremoto  do Nordeste, -8412 pessoas na Província de Miyagi,  -3981 na província de Iwate, - 1387 na provincia de Fukushima, -3 em Aomori, província de Yamagata  2 pessoas. Na região de Kanto, 23 pessoas na província de Ibaraki, Provincia de Chiba  18 pessoas, 7 pessoas em Tóquio,Tochigi e Kanagawa  4 pessoas,  Gunma, 1 pessoa, Hokkaido 1pessoa.

sexta-feira, 15 de abril de 2011

Aumenta pressão por renúncia de premiê japonês após terremoto

Por Linda Sieg e Mayumi Negishi


TÓQUIO (Reuters) - A frágil trégua política no Japão pós-desastre terminou nesta quinta-feira, quando o líder do principal partido de oposição pediu ao impopular primeiro-ministro Naoto Kan que renuncie pela forma como lidou com as calamidades naturais e a crise nuclear no país.                    Na usina nuclear danificada de Fukushima Daiichi, no nordeste japonês, os engenheiros lutam para encontrar uma nova maneira de resfriar um dos seis reatores afetados, e a Agência de Segurança Nuclear e Industrial do Japão disse que agora é "altamente improvável" que haja um furo na unidade de supressão do reator.                                                                                                                                                                           
Kan, cujo apoio popular está na casa de 30 por cento, havia buscado uma ampla coalizão para ajudar o país a se recuperar de seu pior desastre natural e aprovar leis para financiar o maior projeto de reconstrução do país desde a 2a Guerra Mundial.                                                                                                O Partido Democrata, de Kan, controle a câmara baixa do parlamento, mas precisa da oposição para aprovar leis porque não detém a maioria na câmara alta, que pode bloquear os projetos.                             Mas o chefe do maior partido de oposição, o Partido Liberal Democrática (LDP na sigla em inglês) -- que na semana passada descartou uma ação conjunta -- aumentou a pressão nesta quinta-feira para que Kan renuncie.                                                                                                                    "Chegou a hora (de o primeiro-ministro) decidir se fica ou sai", disse Sadakazu Tanigaki em entrevista coletiva, segundo a agência de notícias Kyodo.                                                                                                                      O comentário de Tanigaki reflete a visão de muitos de seu partido conservador de que Kan deve se retirar como pré-condição para qualquer coalizão, assim como uma esperança de que as críticas a Kan dentro de seu próprio Partido Democrata aumentem depois que Ichiro Ozawa, fiel da balança do PD, repreendeu o premiê pela sua condução da crise.

Takeo Nishioka, presidente da câmara alta e crítico notório de Kan entre os democratas, também exortou o líder de governo a renunciar, disse a Kyodo.                                                              Kan, entretanto, que assumiu em junho como o quinto líder do Japão desde 2006, não deve sair facilmente, e os partidos de oposição podem se ver atacados se tentarem fazer chantagem política com o orçamento de emergência, dizem analistas.                                                                                 "Kan provavelmente irá ignorar isso", afirmou Koichi Nakano, professor da Universidade de Sophia. "Se eles (críticos de Kan) pensassem no interesse nacional, fariam isso agora?".

(Reportagem adicional de Mayumi Negishi, Yoko Nishikawa, Kiyoshi Takenaka e Kazunori Takada em Tóquio; Alexei Anischuk em Sanya, China; e Leika Kihara em Washington

quinta-feira, 14 de abril de 2011

Sakura no ki 桜の木



O significado da flor da cerejeira (Sakura), considerada a flor-símbolo do Japão provém de lendas e crenças. Sakura é uma modificação do nome sakuya, proveniente da princesa Kono-hana-sakuya-hime, a qual os japoneses veneravam no topo do Monte Fuji. Acredita-se que a princesa tenha caído dos céus sobre uma cerejeira. 
Outro aspecto de forte significado do sakura é sua ligação com os samurais. No período feudal, a vida desses guerreiros era comparada à efemeridade da flor de cerejeira, que durava apenas três dias na primavera.
Da mesma forma eram os samurais, sempre dispostos a dar suas vidas em nome de seus mestres. Também conhecida como "flor das flores" no arquipélago, hoje o sakura faz parte da padronagem de quimonos e acessórios decorativos.
Hoje existe catalogado mais de 300 variedades de cerejeiras no Japão. A cerejeira, da família das rosáceas, gênero prunus tem origem na China e Índia e os cruzamentos, melhorias e mutações durante séculos teriam criados estas centenas de variedades. A chegada no Japão consta que é de vários séculos atrás. Consta que já no século VII o imperador SAGA em Kiyoto teria promovido nos jardins do Palácio Imperial o HANAMI (APRECIAÇÃO DAS FLORES).

terça-feira, 12 de abril de 2011

Um terremoto de 6 graus na escala shindo balancou o japao as 14h07, com o epicentro em Fukushima
                                            

Acidente nuclear no Japão iguala ao mesmo grau de Chernobyl

O Japão decidiu elevar o nível de gravidade do acidente ocorrido na usina de Fukushima Daiichi  de 5 para  7 o máximo de uma escala internacional.                         
A atual avaliação  de 5 na Escala Internacional de Eventos Nucleares pela Segurança Industrial e Agengia  Nuclear ,está no mesmo nível que o acidente de Three Mile Island, nos Estados Unidos em 1979,A decisão vem após o lançamento de um cálculo preliminar na segunda-feira pela Comissão de Segurança Nuclear do Japão, que disse que a planta nuclear danificada estava lançando até 10.000  terabecquerels de materiais radioativos por hora em um ponto após um terremoto de magnitude 9,0 seguido do tsunami que atingiu o nordeste  do Japão em 11 de março.            Chernobyl reator n4
                                                                                                                                        
                                                                                                                       


                                                                                                                    

segunda-feira, 11 de abril de 2011

O Japao parou  hoje novamente as 14h46 11(segunda-feira) um mes apos o grande terremoto seguido do tsunami que devastou o nordeste do japao,todos fizeram um minuto de silencio .










foto (Reuters)

sexta-feira, 8 de abril de 2011

津波警報・注意報の解除をお知らせします






0:55 horario local 08/04 foi cancelado o alerta de tsunami no pacifico.








NHK ao vivo

Terremoto de magnitude 7,4 atinge a costa nordeste do Japão

Um terremoto de magnitude 7,4 atingiu a costa nordeste do japao as 23:32 (horario local) nesta quinta-feira (7), a 66 Km de Sendai.















Foi emitido alerta de tsunami .                                       

quarta-feira, 6 de abril de 2011

Números recentes de vítimas de terremoto de 11 de março.

A seguir estão os mais recentes números relativos aos acidentes do terremoto e do tsunami que atingiu o leste e nordeste do Japão em 11 de março, de acordo com a Agência de Polícia Nacional a partir das 10:00 Quarta-feira:




Número de pessoas mortas 12.468 
Número de 15.091 pessoas desaparecidas

terça-feira, 5 de abril de 2011

Japão busca ajuda russa para pôr fim a crise nuclear

TÓQUIO (Reuters) - O Japão pediu à Rússia, uma superpotência nuclear, o envio de um navio especial no campo nuclear, usado para desativar submarinos nucleares, informou a mídia japonesa nesta segunda-feira.

O governo japonês luta para combater a pior crise atômica mundial desde o acidente de Chernobyl, na Ucrânia, na década de 1980.

Engenheiros japoneses na usina de Fukushima, afetada pelo terremoto e tsunami de 11 de março, foram forçados a lançar água com radiação no mar e, ao mesmo tempo, estão recorrendo a medidas desesperadas para conter os danos na central nuclear, como o uso de sais de banho para tentar localizar a fonte dos vazamentos no complexo danificado, situado a 240 quilômetros ao norte de Tóquio.                     foto;reuters                                                           
Três semanas depois que um terremoto de 9 graus de magnitude e um enorme tsunami atingiram o nordeste do Japão, provocando o derretimento parcial do reatores de Daiichi, os engenheiros ainda não estão perto de retomar o controle da usina de eletricidade e de interromper o vazamento de radioatividade.
O sismo e o tsunami deixaram cerca de 28 mil pessoas mortas ou desaparecidas e devastaram a costa nordeste do país. O desastre natural mais custoso no mundo provocou blecautes, cortes na cadeia de fornecimento e redução de horas de trabalho. Está ameaçando o crescimento econômico e o iene...                    continuar lendo...        Reuters

segunda-feira, 4 de abril de 2011

Tepco lançará ao mar 11.500 toneladas de água radioativa de Fukushima

Tóquio, 4 abr (EFE).- A empresa japonesa Tokyo Electric Power (Tepco) operadora da usina nuclear de Fukushima, informou nesta segunda-feira que a partir de amanhã planeja lançar ao Oceano Pacífico até 11.500 toneladas de água radioativa procedente da central.

A Tepco disse que a concentração de radioatividade desse água é cem vezes maior que o limite legal, o que considerou relativamente baixo.
Segundo ao site do jornal "Yomiuri", 10.000 toneladas procedem de depósitos especiais da usina nuclear, enquanto outras 1.500 estavam no porão das unidades 5 e 6.
O objetivo é abrir espaço nesses lugares para poder transferir para ali a água com uma radioatividade ainda mais elevada que inunda os prédios de turbinas dos reatores 1, 2 e 3, e que dificulta seriamente os trabalhos dos operários da Tepco para esfriá-los. continuar lendo...    msn

domingo, 3 de abril de 2011

Tsunami de 38 metros de altura desencadeado pelo terremoto de 11 de março

Um tsunami que atingiu uma cidade costeira na província de Iwate após o forte terremoto 11 de março Estima-se que chegou a 37,9 metros de altura, uma pesquisa de campo por um pesquisador da Universidade de Tóquio apresentarou neste domingo.
     




        O tsunami medido no distrito de Taro, na cidade de Miyako foi maior do que o recorde nacional de 38,2 metros marcado na cidade de Ofunato na prefeitura em 1896 o Meiji Sanriku terremoto tsunami, de acordo com Yoshinobu Tsuji, professor associado do Instituto de Pesquisa do terremoto na universidade.

Tsuji e sua equipe verificou o deslocamento de deriva de um porto no bairro e descobriram que a madeira do porto chegou a encosta de uma montanha de 200 metros de distância da costa.
Tsuji calculada a altura do tsunami a partir dos pontos em que a madeira foi encontrado. A equipe também descobriu bombeiros e barcos de pesca lavados para os pontos próximos.
Tsuji equipe também planeja examinar minuciosamente a área como havia alguns vestígios de água encontrados em lugares mais altos do que o ponto 37,9 metros.Segundo a Agência Meteorológica do Japão, o tsunami superior a 2 metros pode destruir casas de madeira. edifícios de concreto pode suportar tsunami de até 4 metros ou mais, mas também seria destruído se ondas de 16 metros.   


Kyodo news

                                                                   

sábado, 2 de abril de 2011

Empresa confirma vazamento de líquido radioativo em mar do Japão

Responsável pela gestão da usina nuclear de Fukushima, no Japao, a empresa Tokyo Electric Power (Tepco) confirmou neste sábado (2) o vazamento de um líquido altamente radioativo para o Oceano Pacífico.
O vazamento ocorre por uma rachadura de cerca de 20 centímetros na parede de uma fossa perto do reator 2, que tem água com alto nível de radiação numa profundidade entre 10 e 20 centímetros






 http://g1.globo.com                                                   foto globo.com



Chile sofre terremoto de magnitude 5,9, sem danos relatados

SANTIAGO (Reuters) - Um terremoto de magnitude 5,9 atingiu o norte do Chile no sábado, mas a agência local de emergência informou que não houve relatos de anos.



O Serviço Geológico dos Estados Unidos disse que o tremor ocorreu a 135 quilômetros a noroeste da cidade de Iquique e a 83,3 quilômetros de profundidade.
A economia do Chile, um país propenso a sofrer tremores, está se recuperando do terremoto de magnitude 8,8 ocorrido há um ano na região centro-sul, que causou graves danos na infraestrutura de cidades e indústrias e provocou a morte de mais de 500 pessoas.

Conselho de Segurança condena ataque contra ONU no Afeganistão

NAÇÕES UNIDAS (Reuters) - O Conselho de Segurança da ONU condenou um ataque contra o complexo da organização internacional na cidade de Mazar-i-Sharif, no norte do Afeganistão, que deixou na sexta-feira ao menos 12 mortos, incluindo sete funcionários da entidade



As autoridades da ONU em Nova York disseram anteriormente que até 20 empregados poderiam ter sido mortos no ataque. Mas o chefe da missão de paz, Alain Le Roy, disse a repórteres que o número final de vítimas da ONU estava em sete.
De acordo com as autoridades, o número inicial incluía afegãos não ligados à ONU que protestavam contra a queima do livro sagrado muçulmano, o Alcorão, por um pastor norte-americano.
"Os membros do Conselho de Segurança condenaram nos termos mais fortes o violento ataque contra o centro de operações das Nações Unidas", afirmou a repórteres o embaixador da Colômbia na ONU, Néstor Osorio, presidente do Conselho neste mês.

      http://br.reuters.com                                 

sexta-feira, 1 de abril de 2011

TOYOTA Technical College Nagoya


Toyota abre inscriçoes para curso de mecânica  para Brasileiros Residentes no Japão
                                                            



Detalhes do curso         


Inscrição    








Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...